FEMME FATALE: Britney mais experimental do que nunca

Completamente apoiada pela mídia, Britney Spears está voltando com força “quase total” ao topo. A princesa do pop pode ser oficialmente considerada ex-princesa do pop, pois seu novo disco (“Femme Fatale”) contém o melhor da música eletrônica.

 

FEMME FATALE

“Femme Fatale” foi liberado na internet 14 dias antes do lançamento oficial por motivos óbvios: muita exposição, pois muitos tiveram acesso ás faixas, e claro, falta de profissionalismo da gravadora. Isso no mínimo ocasionará vendas reduzidas, pois o mesmo não terá o impacto que provavelmente era se – esperado. Além do mais, um “vazamento” pode atrapalhar o desempenho de singles, mas tudo em ordem: Britney sabe o que faz! Não estamos julgando o “vazamento”, e sim, o álbum. “Femme Fatale” é de longe o álbum mais experimental de Britney Spears, assim como o mais dance. Fugindo do pop genérico, Britney afundou a cabeça no electro e dance fazendo do álbum uma ótima pedida para pistas de dança. “Femme Fatale” também é super qualificado, produzido por um time de ótimos produtores que focaram no desejo dos fãs. Algumas músicas são novidades em todos os sentidos para os fãs de Britney tampouco quantos alguns elementos que já são bastante conhecidos pelos fãs.

O disco não possui uma faixa master-mester como “Womanizer” foi para “Circus” ou como “Gimme More” foi para o “Blackout”. A mais próxima desse conceito seria a famosa “I Wanna Go”, que faz jus à proposta do álbum. Em geral, todas as faixas apresentam elementos enjoativos e repetitivos como o uso exagerado do autotune e dos dupsteps. A originalidade de Britney Spears se perdeu em meios à parcerias e novas técnicas vocais. A começar pelo segundo single “Till The World Ends” que soa como uma b-side do álbum de Ke$ha. Além do mais, “The Big Fat Bass” fez com que Britney perdesse toda sua identidade ao se misturar com o som eletrônico e sujo de Will.i.am. Nada péssimo apenas forçado demais. Para críticos, uma música como “Trouble For Me” é a prova que Britney precisava para saber que tem uma voz forte e que com ela, poderia cantar ao vivo. Nesse caso, a voz da Britney está incrivelmente reforçada com efeitos, mas ainda assim podemos ter uma noção de ate que nível os vocais de Britney podem chegar. Para fãs, “I Wanna Go” é a prova que Britney precisava para saber que sinceramente ela irá permanecer no playback durante mais um bom tempo. Nada pessoal, mas “I Wanna Go” tinha tudo para ser o carro-chefe desse projeto, mas ainda tem as mesmas chances de surpreender como um 3° single. “Drop Dead (Beautiful)” aparentemente serviria perfeitamente para um futuro single, claro, se Britney conseguir chegar ao 3°.

Um dos pontos fraquíssimos do “Femme Fatale” é a ausência de baladas. As canções “Trip To Your Heart”, “Inside Out” e “Criminal” são harmônicas, porém dance, o que não representa e nem supre o desejo de uma balada lenta. Mas isso não chega a ser um problema, tendo em vista que o objetivo era a produção de um álbum eletrônico e dance. “Criminal” é a segunda surpresa da versão standart do disco, pois possui efeitos “inovadores” e arranjos bastante agradáveis. Sem dúvidas, Britney parece ter colocado todo seu carisma nos vocais suaves de tal música. Por fim, “Gasoline” soa como a ‘decepção’ do álbum. Não que a canção seja ruim, pelo contrário, é de imenso prazer ouvir a evolução de Britney Spears no quesito ‘variedade’. Mas a ‘decepção’ fica por conta do impacto, já que o nome “Gasoline” sugere algo mais agitado. Antes, logo fizemos a associação: gasolina = carros, corridas, aceleração, adrenalina. E quando ouvimos, nos deparamos com mais um b-side, porém, esse vindo diretamente do lixo de “Teenage Dream”, de Katy Perry.

TRACKLIST (Clique para escutar)

01. “Till The World Ends” (Produced by Dr. Luke, Max Martin and Billboard)
02. “Hold It Against Me” (Produced by Dr. Luke, Max Martin and Co-produced by Billboard)
03. “Inside Out” (Produced by Dr. Luke, Max Martin and Billboard)
04. “I Wanna Go” (Produced by Max Martin and Shellback)
05. “How I Roll” (Produced by Bloodshy, Henrik Jonback and Magnus)
06. “(Drop Dead) Beautiful” featuring Sabi (Produced by Benny Blanco, Ammo, JMIKE and Billboard)
07. “Seal It With A Kiss” (Produced by Dr. Luke, Max Martin and Dream Machine)
08. “The Big Fat Bass” featuring will.i.am (Produced by will.i.am)
09. “Trouble For Me” (Produced by Fraser T Smith)
10. “Trip To Your Heart” (Produced by Bloodshy, Henrik Jonback and Magnus)
11. “Gasoline” (Produced by Dr. Luke and Benny Blanco)
12. “Criminal” (Produced by Max Martin and Shellback)

Anúncios

Publicado em 12/03/2011, em Álbuns, Britney Spears. Adicione o link aos favoritos. 45 Comentários.

  1. eu realmente virei fa da britney por este album ele e estremamente MARAVILHOSO gostei da critica mesmo nao concordando com VARIOS pontos e acho que nao vale so 80 tem que ser pelo menos 87

    • 87 seria uma nota muito alta pro “Femme Fatale”, levando em consideração que a qualidade em si do álbum é duvidosa. O álbum é cheio de hits e batidas excelentes, mas quando vamos analisar a melodia, letra e os vocais, nos deparamos com efeitos artificiais que não agradam fãs e público em geral.

      Mas, mesmo com você não gostando 100% da crítica, adoramos sua capacidade de dizer isso sem nos ofender, até porque o trabalho de fazer uma análise aos álbuns não é fácil. Obrigado.

  2. Little monster arrazou nos comentáriso #estoumentindo

  3. Eu descordo completamente com a critica…
    Motivos: 1º O album so pelo nome ja da a entender que ele sera arrasador.
    2ºTodas as faixas em si Tem uma sonoridade totalmente diferente da Britney
    3º No mundo da musica quem n se arrisca acaba no abismo do esquecimento
    4º Eu acho q este album venha a ser um dos melhores do ano sim
    5º Vc realmente escutou todas as musicas ou so os samples????
    6º O disco segue bem ate as faixa 10 e as duas ultimas fecham perfeitamente o album

    So concordo com a critica em um ponto a falta de musiacas mais baladinhas pois “Trip to your heart” e “Criminal” Nao sao o suficiente deveria ter mais uma mas se vc quer ouvir baladinhas é so compra a Versão Deluxe onde ha mais uma Faixa baladinha “He about to lose me” oq supre totalmente a falta de baladinhas afinal estamos falando de Britney Spears.
    Vc ja viu ela acançar o topo das paradas com baladinha??

    • Todos os itens que você numerou nós concordamos:
      1° é um álbum eletrônico de ótima qualidade
      2° sim, todas são totalmente experimentais
      3° concordo
      4° sim, ele é um dos melhores discos do ano
      5° todas as faixas foram escutadas
      6° sim, as últimas são as mais populares

      “He About To Lose Me” não é uma balada. E ela é sim ótima.

  4. Hugo Campelo

    O que é fewoffsnow comparado os monstros que são a Rolling Stones e a poderosa Billboard. Para que vou me estressar com uma manteria dessa!

    Um dos melhores cds do ano!
    aff!

    Vamos ler de que entendi de fato de musica!

    • Bom, a Billboard e a Rolling Stones são revistas de grandes nomes, ok. Mas nem por isso o que eles dizem são correto. Eles são incríveis em todas as suas críticas, porém, se algum dia eles erraram no comentário, quem dira que eles estão certos? Ninguém! Bom, nosso site Fewoffs NOW! ainda não tem o mesmo peso como tal revistas tem, porém, nossa visão é bastante respeitada.

  5. Felipe Marcelo

    O que mais impressiona é o fato de todos serem os donos da razão e ninguém respeitar a opinião alheia. Os fãs cegos querem de todo jeito defender a Britney e o crítico do site faz de tudo para rebaixá-la ou diminuir seu trabalho. Não falando sobre essa matéria especificamente, mas ressaltando pontos onde ele diz.: ” Se ela conseguir chegar ao terceiro single; Permanecer no playback por mais um bom tempo.” Qual é a graça disso? Se é para ser crítico, utilize-se de vocábulos contudentes e afirmações coerentes, afinal não sou eu, nem você muito menos qualquer outro que vai decidir se Britney vai chegar ao terceiro single. O que torna esse álbum experimental? O fato dela usar dubstep em 3 músicas? A existência da faixa ”Criminal”, que soa como algo inovador? E os mais espertos sabem que autotune é um programa de correção vocal não um sintetizador que deixa a voz com efeito robótico, e que todas usam(salve-se christina aguilera). não sou crítico e nem pretendo ser, pelo simples fato que para ser crítico há a necessidade de ser imparcial, coerente, lúcido e preparado para isso. Coisas que o autor do site desconhece. E críticos sabem todas as regras de coesão textual. Fica a dica.

    • O porque que é álbum é ‘experimental’? Você próprio já respondeu: O fato dela usar dubstep em 3 músicas? A existência da faixa ”Criminal”, que soa como algo inovador?. Enfim, enquanto ao que disse sobre os singles, é que todos os seus últimos trabalhos só chegaram ate o 3° single. “Radar” como 4° single do Circus nem deve ser considerado. Mas ok. Mas além, enquanto ao meu vocabulário, não sejo motivo em estrever diferente, pois a matéria está coerente à ponto de todos entenderem.

  6. O disco é legal, mas não vi nada de novo e tão experimental.Muitas das canções eu consigo identificar caminhos para melodia de outras musicas pops já existentes.
    Achei engraçado a briga com o “Sousa”, parece mais um desses fans alienados que ficam magoados quando falam alguma coisa das suas divas. Porem achei meio presunçosa suas colocações: “Existe dois tipos de pessoas no mundo .. uns nascem para fazer acontecer, e outros para observar ..” e “porque tenho muitas e muitas informações para levar para quem quer aprender.”
    Como assim? Humildade ja amigo, ta precisando, serio! Ja temos arrogancia demais nesse mundo. Alem disso voce pareceu “o menino mimado
    dono da bola”, deixa o carinha se expressar tambem e nada de ficar expulsando do site, pegou mal! Imagino que para ser critico quem que tambem saber ouvir independente de qualquer coisa.

    • Primeiro, irei comentar sobre o “Souza”. Eu, autor das matérias e notícias, tenho isso como ‘meu trabalho’. Isso que faço aqui é muito importante e útil. Agora, estamos todos aqui para expressar o que pensamos, e todos falaram o que quiseram e inclusive eu. Porém, a tal pessoa agrediu à mim com um vocabulário que sinceramente não me agradou. Gostaria de respeito, assim como respeito todos que visitam o site. Quando alguém me chamar de ‘otário’ ou ‘mal informado’ diante de uma coisa que pesquisei e trabalhei para poder mostrar à todos, irei que fazer minha resposta à altura. Pois bem, nosso site é informativo, estamos aqui para transmitir o conhecimento sobre música, não há nada de errado nisso. Enfim, trate as pessoas como você gostaria de ser tratado, simples assim.

  7. Logan Armendone

    Sou mto fã e concordo com todas as criticas.
    Achei otimo ver alguem com as mesmas opinioes que eu.
    Inclusive a forçação que foi fazer feat. com o Will.I.Am.
    Esse cd nunca sera melhor que Blackout e ainda tenho duvidas se supera Circus,
    pois Blackout e Circus tem uma ligação melhor com a Britney e seu jeito de fazer pop que o Femme Fatale.
    Essa coisa de usar B-side, faltou musica?
    Achava que Britney tinha um estoque… rs’

    Nem vou falar do estrago que fizeram com Criminal…
    MTO DECEPCIONADO.
    Se vazasse e fosse MTO BOM ate poderia gerar mais compras,
    mas vazou e nao é tdo que eu esperava.
    A preview de Inside Out dava a entender que a musica era mto melhor e ela nao é.

    PARABENS, otimas criticas!

    • É engraçado, alguns fãs admitem e outros escondem o que sentem só para preservar a imagem da Britney, mas é admirável saber disso. O “Femme Fatale” não é um álbum ruim, apenas é algo que Britney parece ter feito por fazer. Mas isso não será eu quem vou dizer, será ela própria na forma que tratará o álbum. Bom, sobre o que você disse, com concordo plenamente com esse trecho: “Esse cd nunca sera melhor que Blackout e ainda tenho duvidas se supera Circus, pois Blackout e Circus tem uma ligação melhor com a Britney e seu jeito de fazer pop que o Femme Fatale.” . Parabéns à você também.

  8. “Para críticos, uma música como “Trouble For Me” é a prova que Britney precisava para saber que tem uma voz forte e que com ela, poderia cantar ao vivo. Nesse caso, a voz da Britney está incrivelmente reforçada com efeitos, mas ainda assim podemos ter uma noção de ate que nível os vocais de Britney podem chegar.” V E R D A D E

  9. quanto recalque não é mesmo? Esses fãs da Britney me dão vergonha! Ngm que está xingando o site tem capacidade maior pra fazer uma crítica tão perfeita. olha, eu assino embaixo em tudo queestá escrito aqui e digo que quem dizer o contrário, pode inclusive fazer ou mostrar seu trabalho ‘melhor’; bj e adoro esse site

  10. ” E para a sua informação, a maioria dos leitores da matéria concordaram e acharam a crítica bastante realista” +2 eu achei beeeeeeeeeeeem realista.

  11. o cd ta ótimo e a crítica melhor ainda! infelizmente não foi citado nenhuma mentira… adorei “Nada pessoal, mas “I Wanna Go” tinha tudo para ser o carro-chefe desse projeto, mas ainda tem as mesmas chances de surpreender como um 3° single” e tomara que seja verdade

  12. AMEI TOOOOOOOODAS, mas THE BIG FAT BASS realmente ficou um lixo

  13. Souzsa, quanto recalque. Eu acho que voces do site não devem nem ler esse tipo de crítica, pois a matéria está fantástica e eu n vi ngm falando mal da Britney ali nessa analise. Por favor,

  14. Adorei Femme Fatale, mas, como escutei pouco, ainda não me acostumei com o novo estilo. Sim, me decepcionei com ele. …Baby teve From The Bottom Of My Broken Heart, Oops teve Where Are You Now?, Britney a I’m Not a Girl, In the Zone Everytime, Blackout Why Should I Be Sad e Circus My Baby. Femme Fatale teve o que? Criminal? Senti falta da sonoridade pop e lenta sim, são nas músicas lentas que a voz de Britney se sobressai. Várias faixas são fantásticas, mas será que não teve uma certa apelação da produção no quesito vendas? Originalidade é sim presente em Femme Fatale, mas não é o ponto forte. Blackout foi na minha opinião melhor que Femme.
    PS: Sim, eu sou fã da Britney e sei o que estou dizendo, não sou um fã-cego.

    • Simplesmente assino em baixo no seu comentário. É incrível como não tem uma balada no álbum inteiro, os que dizem que está ‘bom do jeito que está’ quer realmente uma Britney robô, por que é fã, sabe a importância de uma balada.

  15. Pronto!!!É isso minha gente…é esse novo contexto mundial, onde a internet impera e dá voz a todos e os blogs são super populares, dando oportunidade a anonimos conseguirem ate certa audiencia, exemplo: Perezhilton, katylene, etc.
    Sendo assim, certas figuras amarguradas e metidas a cult, criticas e a jornalistas, acham que pode escrever qualquer merda com base nos seus mediocres parametros e gostos. SYMANKA!!!
    KKKKKKKKK P VC!!!
    Criticos de verdades e gabaritados ja erraram com suas previsões, a banda Queen de fred mercury é um exemplo, vivia sendo xoxado! Agora me diz por que vou dá confiança pra um zé roela, zé ninguem como vc??!!! Heinnnn por que?Pare de bancar a cult mana, não ta colando!

    • Por que você, ao invés de reclamar dos outros e se achar superior, não vai fazer algo que realmente faça seu nome ser honrado? Por mais que você não goste de minhas críticas, isso realmente não posso mudar, mas posso garantir com certeza que meu trabalho aqui é mais útil que o seu. O tal Perez Hilton que você citou, de fato pode ser mais esperto e inteligente com você. “Existe dois tipos de pessoas no mundo .. uns nascem para fazer acontecer, e outros para observar ..”

      • hahahahahahahha muito tosco!!!! Mais já tá choramingando??? Ora ora…voce gosta de bancar o critico e ficar atacando o trabalho dos outros, por que agora fica reclamando quando detonam com o seu? Aceite meu bem, tah na chuva é pra se molhar!!! Ninguem aqui lhe fez comentarios denegrindo sua honra e nome como muitas vezes voces costumam fazer com os outros!!!
        Ahhhhh…e antes que me esqueça, voce por acaso me conhece?
        Não! Então quem é voce pra dizer que o que faço ou deixo de fazer é menos importante que o seu trabalho? SYMANKA!!!! Quem olha ate pensa que voce esta desenvolvendo a cura da AIDS, resolvendo o conflito no oriente medio ou solucionando o problema da fome na Africa!!! Ao inves de esta escrevendo merda sobre o trabalho e carreira alheia! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk pra vc!!!! Nem que eu fosse uma empregada domestica ou um gari te daria o direito de achar melhor do que eu, SEU GRANDISSISSIMO OTARIO!
        MUUUUUUUUUUUUUAHHH PRA VC!
        BRYGADA E PUBLICA AI!

        • Sim, publico, pois não tenho receio nenhum que os outros leiam sua crítica ridícula. Com certeza eu tenho confiança no meu trabalho, tanto que publico ele com o maior orgulho. E já que você é tão influente a ponto de vir e me julgar, me diga o que faz?! Felizmente essa será minha última resposta aos seus ataques, até porque tenho muito o que fazer ao invés de debater assuntos com alguém que nem mesmo opta por usar um vocabulário adequado. Nem Jesus agradou a todos. Se meu site não te agrada, o máximo que posso fazer é pedir para você mais voltar aqui. Então, não pense que me abalei com tais comentários, até porque isso só me deixa mais fortalecido. E se ele é ínutil para você, me dá licença porque tenho muitas e muitas informações para levar para quem quer aprender.

  16. nossa, essa crítica está perfeita! è a realidade. eu amei o cd mas TENHO que concordar pq é a verdade

    infelizmente nem todos concordam ne.. devem ser fãs cegos! Mas ok, nem vem ao caso falar

    Femme Fatale nem é isso tudo, .. é apenas ‘bom’ e nem de longe é melhor que o Blackout

  17. Acho desnecessário alguém afirmar que a Britney se vendeu para o comercial (?)
    Ops, ela sempre foi comercial rsrsrsrs por favor neh
    Já a crítica não foi nem um pouco construtiva, e não saiu da linha #detestoabritneyetudooqueelafaz….
    Soou forçada demais.
    Não sou um fã dela mas o álbum é gostoso de ouvir. E se a intenção é dançar qual o sentido de ter uma balada?
    O mundo mudou….
    O álbum esta mais para pop/eletronico e não apenas eletronico, já que as letras são chicletes e tem todo o que as músicas pop possuem.
    Vamos ver como irão as vendas…

    • Estamos torcendo para as vendas serem as melhores possíveis. Mas a questão da falta de balada irá render muito ainda. Pois os fãs sentem falta disso. Como é o caso do Circus, que tem a famosa “Unusual You” e “My Baby”. Embora o disco seja dance, era se esperado ‘baladas’, e a falta delas incomoda SIM, pois chega um momento no álbum que você quer parar e ouvir algo harmônico. Até Lady Gaga que é a inovadora no quesito dance, tem álbuns DANCES com baladas

  18. Nem terminei de ler, parei na parte que dizem que o “vazamento” do álbum pode piorar nas vendas. Pfff, hoje em dia os artistas não ganham tanto assim com vendas de álbum, e qualquer um já sabe que vazar músicas ajuda na divulgação. Aliás, que tipo de “crítico” é esse que fica respondendo os comentários dos outros?? hahaha que podre.

    • Eu acho que o bom ‘crítico’ deve uma resposta para quem posta um comentário em certa notícia, por diversos motivos. Por exemplo, estou respondendo seu comentário diante de uma crítica sua. Ela deve ser ouvida também não é mesmo? Enfim, o vazamento não é legal para o desempenho do álbum. E qualquer artista ganha dinheiro com disco, basta vender 10 milhões de exemplares do mesmo. Agora, quem não consegue isso, no mínimo deve ficar com o saldo negativo depois do lançamento.

  19. Eduarda Martins

    Sinceramente , Achei o álbum bem fraquinho e concordo com a crítica de vocês . E como assim o comentário da menina dizendo que quem curte Pop Music gostou do álbum ? Sem uma balada , Sem músicas que fazem lembrar da Britney Spears antiga (Que é realmente melhor que a Britney $pear$ de hoje em dia ) e principalmente , Com muito autotune . Achei a crítica de vocês digna , igual a crítica da Rolling Stones

    • Obrigado. Adorei o (Que é realmente melhor que a Britney $pear$ de hoje em dia ) e é 100% verdadeiro. Ela está se vendendo muito ao ‘comercial’.

  20. Eu acho que ela tem uma voz muito vaginosa…
    Esperar o que de uma mulher que adora fazer sexo grupal!?

  21. Sério ???
    tinha que ser crítica Brasileira mesmo !!
    pq a mundial honrou o álbum sem colocar achismo e opinião frívola !!
    ou seja ?!
    oq acham de Born This Way ?!

    devem achar muito boa !!
    a cara de vcs !

    • Queridos, as críticas que foram divulgadas ontem só falaram ‘o melhor’ porque tudo foi dito diante de uma audição. Quando você ANALISA algo, é totalmente diferente! Enfim, essa é a nossa opinião.

      • “Enfim, essa é a nossa opinião”
        Cara em que mundo tu vive? Se de ao trabalho de ao menos pesquisar na internet sobre as criticas que o album recebeu que voce verá que elas não são nem um pouco parecidas com as suas. Entao troca esse “nossa opinião” , por “minha opinião”. já que só voce é que tem essa.
        Eu não sou fã da Britney, nunca fui de escutar suas músicas, mas esse albúm realmente está beirando a perfeição.
        A critica especializada ( só pra ti informar ) , coloca esse album no mesmo nivel de Blackout ( seu melhor album) , ou em alguns casos , até em um patamar acima. E o criticos estão colocando adjetivos do tipo , perfeito, maravilhoso , ou até inovadorm extraordinário.

        • Será mesmo que algumas dessas críticas teve argumentos suficientes para provar o quao perfeito ele é? E nenhum crítico faz sua crítica baseada em uma que ja existe. Cada um o avalia de algum jeito. E para a sua informação, a maioria dos leitores da matéria concordaram e acharam a crítica bastante realista.

  22. Kaline França

    Não sou fã da Britney, mas que critica lixo, o álbum está ótimo, não tem como uma pessoa que gosta de pop music não ter gostado desse álbum.

  1. Pingback: Retrospectiva 2011 « Fewoffs NOW 2

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: