Grávida, Wanessa é capa da Contigo!

Prestes à ganhar seu primeiro filho, Wanessa deu entrevista para Contigo! E posou para flashs encantadores


.
.
.
Com exatos sete meses de gravidez, Wanessa apareceu divina na capa da revista brasileira Contigo!, mostrando não só sua linda barriga mas também seus reais valores e dificuldades. A cantora abordou obstáculos vencidos durante a gravidez e como foco, declarou seu demasiado amor pelo seu primeiro filho. Confira um trecho da entrevista:

Há uma ideia de que a gestação é o momento mais sublime da mulher…
É mesmo lindo gerar um ser humano. Mas dizer que é tudo incrível é mentira. A parte física da gravidez é bem difícil. Falo para mim todos os dias: ”Você não está gorda, você está grávida” (risos). Pulei do manequim 36 para o 38/40. Dá sono. Os hormônios me deixaram irritada, mal-humorada.

Ainda quer engravidar novamente?
Não que seja um horror, não quero assustar as pessoas (risos). Quero voltar a passar por isso, mas daqui a algum tempo. Estou adorando conhecer esse universo masculino, mas sempre imaginei que seria mãe de uma menina. Ainda quero ter uma menina. Antes de engravidar, eu achava que seria uma fase zen da minha vida. Mas a realidade… Talvez se eu pudesse passar a gravidez de perna para o alto, só comendo, ouvindo música e lendo livro… Não tive essa opção. Estava muito envolvida com o trabalho. Enão fui poupada de nenhum estresse durante minha gravidez.

Carla Bruni disse que não via a hora de parir para poder fumar e beber vinho.
Quero voltar a me exercitar e não vejo a hora de fazer tratamento de pele (risos). Mas, falando sério, estou ansiosa para que ele nasça. Quero ver, sentir, ver que ele está bem, dar beijo, banho, abraço… E, acima de tudo, estou ansiosa para amamentar, dar comida para meu filho. Não peguei o peito da minha mãe e tive uma pneumonia com 1 mês de idade. Meus pais tiveram um problema seriíssimo comigo. Eles não tinham dinheiro na época e fui levada a um hospital público. Tive uma deficiência alimentar. Tenho isso gravado em mim. Penso: ”Preciso alimentar meu filho”.

Não deve ser fácil colocar filho no mundo…
A coisa mais legal é começar a pensar em apresentar o mundo para seu filho. Ao mesmo tempo, é um choque. Penso: ”Meu Deus, ainda tenho tanto para melhorar, levo um monte de tapa na cara, como vou ensinar meu filho a ser uma pessoa melhor, a enfrentar tantas coisas?” Fiquei mais espiritualizada. Minha vontade de crescer como ser humano triplicou. Não tenho mais tempo e espaço na minha vida para perder tempo com picuinhas.

As mães costumam fazer projeções para os filhos. Qual a sua?
Acho que uma das missões de meu filho é unir nossa família. Somos unidos, mas nossa vida enlouquecida nos separa: minha mãe para um lado, meupai viajando a trabalho, minha irmã batalhando a carreira de atriz, meu irmão na escola, a família do Marcus entre Vitória e Rio de Janeiro. Acho que a vinda dele trará um tempo maior de convivência. Meu avô paterno disse que está feliz em viver para poder segurar o bisneto no colo. Vou ter de segurar a onda, senão José Marcus será muito mimado (risos).

Anúncios

Publicado em 01/11/2011, em Notícias, Wanessa. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: