NOTHING BUT THE BEAT: Nada, mas talento, batidas e animação!

Nada melhor do que lançar um quinto álbum de estúdio e saber que nele há, com certeza, histórias experientes e divertidas para serem contadas. David Guetta, que desde 2008 vem sendo aclamado como um dos melhores produtores musicais (e DJ’s) do momento, lançou nesse mês o fantástico “Nothing But The Beat” e com isso, talvez mais #1’s podem chegar!

NOTHING BUT THE BEAT

(NOTA: 77)

“Nothing But The Beat” chegou para abalar as estruturas POP fazendo um verdadeiro mix com artistas R&B com a alucinante house music, característica marcante de David. O álbum está cheio de canções poderosas e parcerias poderosas, coisa que somente um DJ aclamado como David pode fazer. Cantores como Nicki Minaj, Chris Brown e até Sia Furler marcam presença nas melhores faixas de todo o disco. Realmente, uma obra prima contemporânea!

A primeira faixa, e também o primeiro single, “Where Them Girls At”, tem parceria de Nicki Minaj e Flo-Rida e abre o disco com agitação. Tranquilamente, uma boa escolha para abrir as divulgações do álbum, tendo em vista os outros hits que podem surgir. Já a segunda música, “Little Bad Girl”, tem uma pegada completamente diferente da anterior. É uma canção mais alternativa, mais agressiva, mais pulsante e mais pesada que todas as faixas, uma das melhores, mas distante de ser o ápice do disco. Nicki, que havia feito 70% dos vocais de “Where Them Girls At”, aparece em evidência novamente. “Turn Me On” tem uma pegada POP que nos faz esquecer completamente que Nicki Minaj é uma artista R&B/hip-hop. David Guetta geralmente tem essa genialidade nas mãos, transformando oportunidades em obras criativas plausíveis.

Snoop Dog e Usher foram um dos sortudos que estão na tracklist final, mas, suas participações são esquecíveis e habituais. Não há nenhum elemento que os façam especiais nessa seleção de hits, pois não causaram a sensação que Chris Brown, por exemplo, causou. “I Can Only Imagine” é a melhor música do disco pela ideia genial de David Guetta como produtor, em usar efeitos e técnicas explosivas como arma principal. A faixa seguinte, com Akon, é pulsante e incrivelmente bem produzida. David soube aproveitar o talento dos artistas e esse é o verdadeiro diferencial de seus álbuns. Mas, entretanto, essas experiências não são tão diferentes das vividas em “One Love”, álbum anterior.

Por fim, duas faixas marcaram o fim da coletânea: “I Just Wanna Fuck” e “Titanium”. A primeira, com Dev e Timbaland, é uma gravação apelativa – ao extremo – e totalmente descartável. Certamente não esperávamos por algo tão vulgar e inútil. David Guetta e Sia fizeram de “Titanium” a grande surpresa do “Nothing But The Beat”. A letra de “Titanium” é apropriada e os vocais de Sia magníficos. A batida é frenética e jamais poderíamos contar com o talento, não só de David, mas sim de Sia também. Explosiva como todas, porém, marcante e dark como nenhuma outra.

TRACKILIST

01. Where Them Girls At (Feat. Nicki Minaj & Flo Rida)
02. Little Bad Girl (Feat. Taio Cruz & Ludacris)
03. Turn Me On (Feat. Nicki Minaj)
04. Sweat (Snoop Dogg vs. David Guetta)
05. Without U (Feat. Usher)
06. Nothing Really Matters (Feat. will.i.am)
07. I Can Only’ Imagine (Feat. Chris Brown & Lil’ Wayne)
08. Crank It Up (Feat. Akon)
09. I Just Wanna F*ck (Feat. Timbaland & Dev)
10. Night Of Your Life (Feat. Jennifer Hudson)
11. Repeat (Feat. Jessie J)
12. Titanium (Feat. Sia)

  1. A primeira, com Dev e Timbaland, é uma gravação apelativa – ao extremo – e totalmente descartável. Certamente não esperávamos por algo tão vulgar e inútil (FATO)

  2. melhor análise que li sobre o álbum

  3. realmente muito bom!!! mas merecia uma nota melhor nao???
    david e realmente magnifico nao tem um sigle que saia das nossas cabeças

    • O álbum é ótimo mesmo. Mas lembrando que seus elementos não são inovadores e que há 3 ou mais faixas que não deveriam estar aí, acho que a nota foi justa. Além do mais, não é nada pessoal, até porque para nós daqui, ele vale 100% de aprovação. Mas olhando com um olhar crítico, realmente não poderíamos dar nota maior.

  4. Camila Herbert

    as melhores 01, 02, 03, 08, 12

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: